Os 7 Melhores Óleos Essenciais para Celulite

Por Cris Marcondes


Muitas pessoas têm me perguntado se é possível reduzir a celulite sem fazer tratamentos invasivos com produtos químicos e medicamentos, ou seja, usando apenas produtos naturais.

Bom... tenho certeza que você vai ficar muiiiito feliz com que eu tenho pra te dizer.

SIM, é possível se livras da celulite naturalmente com a ajuda dos
Óleos Essenciais e também com algumas dicas que eu vou trazer aqui pra você até o final desse artigo.

E a primeira coisa que eu quero te dizer é o que pode causar a celulite, por que na aromaterapia não tratamos só os sintomas, tratamos também as causas. Bom... existem vários fatores que podem resultar nesses assustadores furinhos que deixam sua pele toda marcada, mas eu vou colocar aqui os mais comuns. A celulite pode ser causada por alergias, toxicidade, alterações hormonais, desequilíbrio endócrino, desidratação, falta de oxigenação nos tecidos, retenção de fluido ou água, fatores menstruais e até a falta da drenagem linfática podem desencadear a celulite. Existe também uma predisposição hereditária ao desenvolvimento de celulite, ou seja, é o famoso “é de família”.

Muitas pessoas não sabem, mas a celulite indica que o corpo está sofrendo de uma condição inflamatória e que precisa de alguma limpeza e desintoxicação. Embora a celulite afete muitas pessoas, as que são mais propensas a ter celulite são as que estão acima do peso.

O que você precisa entender sobre o tratamento da celulite é você NÃO precisa passar por processos cirúrgicos doloridos e caros. Você também não precisa acordar no início da manhã e correr mais de 10 quilômetros por dia. Ah, e você também não tem que cortar tudo da sua dieta, mas você precisa ajustar o que você está comendo.

E o mais importante que você precisa saber é que reduzir a aparência da celulite não é apenas uma vaidade, mas sim uma necessidade para a sua saúde, pois se você não tratar as condições que criam celulite, elas também podem desencadear outros problemas mais sérios no seu corpo, como por exemplo artrite e retenção permanente de líquidos.

Mas a boa notícia é que tratar a celulite pode ser mais simples do que você imagina. E o melhor ainda é que tem uma boa chance de que você perda alguns quilinhos nesse processo de tratamento. Muito bom não é mesmo?

A celulite se desenvolve como resultado de um tecido corporal adiposo, pesado e saturado, que se torna ligado às impurezas digestivas (toxinas) que se acumulam sob a pele. Assim, a celulite é essencialmente um problema de drenagem linfática, pois as toxinas e fluidos se acumulam como bolsas de gordura quando o sistema linfático não está funcionando adequadamente.

A solução mais simples e preventiva é evitar coisas que se formem esses depósitos de gordura e linfa (da alimentação, em particular) e é ai que entra nossos segredinhos.... Pra combater a celulite é preciso focar em ativar e nutrir nossos “poderes” digestivos e desintoxicantes para expulsar os depósitos existentes.

Pra isso, além da alimentação devemos sempre fazer massagens diárias, usar óleos essenciais, parar alguns segundos pra respirar profundamente, fazer exercícios leves e de relaxamento. Curioso né? Mas, tudo que eu citei aqui tem haver com o seu estilo de vida não é mesmo?

Por isso, todo mundo pode dar um empurrãozinho na sua saúde e bem-estar, fazendo com que o seu próprio corpo trabalhe a seu favor, e assim consiga metabolizar a gordura e as toxinas acumuladas, que vão fazer a celulite desaparecer.

E é aí que os óleos essenciais entram.

Você pode usar óleos essenciais para aumentar o metabolismo, nos óleos de massagem estimulantes e ainda como calmantes para ajudar a deixar seu corpo e sua mente relaxados.

Já já eu vou entrar na lista de óleos essenciais para celulite. Mas antes eu quero rapidamente te dizer o por que é tão importante você usar formas naturais no tratamento da celulite ao invés de tratamentos da ciência médica tradicional.

Basicamente, todos os tratamentos como injeções de colágeno, metilxantinas, mesoterapia, terapia a laser e lipoaspiração tentam corrigir os sintomas da celulite, mas não as causas dos sintomas. Ou seja, se você não agir na causa você vai entrar em um ciclo sem fim e se tornar dependente desses tratamentos químicos invasivos e por muitas vezes caríssimos. E o pior de tudo são os riscos envolvidos em processos cirúrgicos.


Uso de Óleos Essenciais para Tratamento da Celulite

Se você leu tudo até essa seção, parabéns!

Eu sei que este artigo tem foco nos óleos essenciais, mas eu precisava que você intendesse a causa da celulite e também precisava falar um pouco dos tratamentos disponíveis hoje pra você entender bem o por que é tão importante agir diretamente na causa da celulite. Então agora já podemos ir no ponto!

Mas, por favor, continue lendo esse artigo até o final, por que depois de falar dos óleos essenciais eu vou entrar em mais detalhes sobre alimentação e recomendações de estilo de vida para que realmente eu possa te ajudar a fazer a diminuir as suas celulites e também fazer você se sentir muito mais saudável.

Combinado?!  Então, vamos aos óleos essenciais que vão te ajudar a acabar com as celulites!

1. Erva-Doce

A erva-doce possui potentes propriedades diuréticas que ajudam o corpo a acelerar a eliminação dos resíduos armazenados e reduz a prevalência de retenção de água no tecido. Suas propriedades também o tornam efetivo para quebrar os depósitos de gordura sob a superfície da pele.

2. Gerânio

O gerânio é um ótimo óleo que é especialmente favorável à pele. Também melhora a circulação e estimula o sistema linfático, ajudando a diminuir a retenção de água e eliminar as toxinas. Uma maneira simples de usar o Óleo Essencial de Gerânio para a celulite é misturar 6 gotas de óleo com 1 colher de sopa de óleo de coco e massagear firmemente nas áreas afetadas.

3. Toranja

A toranja é um óleo animador, que refresca e relaxa a mente e o corpo estressados. O óleo de toranja estimula a eliminação de toxinas celulares, se tornando um ótimo óleo para o dia a dia no tratamento de celulite e retenção de líquidos. Um bônus adicional de óleo de toranja é a redução do apetite, pois pode ajudar a limitar o excesso da compulsão alimentar. Por isso, se você quiser perder uns quilinhos faça uma difusão de 6 gotas na sua casa ou coloque 3 gotas em um tecido e inspire toda vez que sentir uma fome.

4. Zimbro

Bem conhecido por suas propriedades de desintoxicação e limpeza, o zimbro é altamente considerado para reduzir a acne, retenção de líquidos e celulite. Ele também ajuda a clarear e estimular a mente. É um ótimo tônico para a pele e dor nas articulações / artrite também.

5. Capim-Limão

O capim-limão é um óleo animador, com propriedades estimulantes e sedativas, assim como fortes propriedades adstringentes e antidepressivas. Suas propriedades diuréticas fazem dele um bom remédio para a retenção de líquidos e a celulite. É também um grande reforço de energia e ânimo emocional.

6. Cedro

O cedro é eficaz para equilibrar a pele e limpar as impurezas. Seu papel como diurético o torna um óleo altamente valioso para o tratamento da celulite, retenção de líquidos e o acúmulo de toxinas no sangue. O cedro ajuda a descongestionar os tecidos lentos, retirando o excesso de gordura entre os tecidos. Para um tratamento simples, misture 6 gotas de óleo de cedro com 1 colher de sopa de óleo de coco e massageie nas áreas afetadas. Repita diariamente.

7. Alecrim

O alecrim é um ótimo óleo que combate a retenção de líquidos e o acúmulo de toxinas nos tecidos. É também um ótimo óleo para a melhoria da memória e redução da fadiga mental com suas propriedades estimulantes do cérebro.

Quer aprender uma receita que vai te ajudar a acabar com a celulite?
Assista este vídeo aqui...


Recomendações de Estilo de Vida para Tratar a Celulite

Siga uma alimentação redutora de celulite.

Mesmo que as recomendações de dieta tenham ficado pra depois nesse artigo, mas isso não significa que elas são menos importantes do que o que já discutimos.

Na verdade, a dieta é talvez o aspecto mais importante da redução da celulite. E é aqui que a sua força de vontade tem que prevalecer, por que as recomendações mais básicas, como cortar o chá, o café e o álcool, são difíceis de colocar em prática para muitas pessoas.

Esse assunto é muito importante... lembra que eu disse que você precisa agir na causa da celulite, então a sua alimentação pode ser muitas vezes a causa do seu problema.

Pois é, alterar a dieta é realmente a coisa mais difícil de se fazer neste artigo.

Estamos todos ligados aos alimentos que comemos em toda nossa vida e a maioria das pessoas tem uma certa resistência em abrir mão de alguns alimentos, mesmo quando isso é extremamente importante para manutenção da sua saúde.

Sem contar que essa dieta redutora de celulite pode também te ajudar a chegar no seu peso ideal.

É uma vitória por muitos motivos.


O que comer e o que não comer?

Se você quiser eliminar o excesso de peso corporal e toxinas, você vai precisar evitar alimentos que te fazem acumular peso corporal e toxinas.

Simples assim! Só que não né? Rsrs... Mas com determinação eu sei que você vai conseguir. Então eu separei aqui uma lista por categorias de alimentos, dá uma olhada:

Frutas – Procure comer as frutas que são levemente doces e adstringentes. As frutas frescas são melhores do que as secas. Evite frutas excessivamente doces, ácidas, pesadas, densas e aquosas, como bananas, cocos, tâmaras, melões, abacaxis ou ameixas. Também tente comer frutas sozinhas e não misturadas com outros alimentos para ajudar a sua digestão.

Vegetais – Procure comer vegetais pungentes, amargos e adstringentes. Os legumes cozidos são mais fáceis de digerir do que frescos, portanto, limite os frescos. Evite vegetais densos, oleosos e aquosos como abacate, pepino, azeitonas.

Grãos – Procure comer grãos leves, secos e ásperos. Mas reduza o consumo geral de grãos se puder. Evite os grãos que são pesados, úmidos ou densos como trigo, farinha, pães, cozidos e macarrão. Substitua estes grãos por vegetais extras e / ou legumes.

Legumes – Os legumes são adstringentes e é a escolha certa para pessoas com excesso de peso ou com celulite. Cozinhe bem os seus legumes e use temperos para ajudar na digestão.

Laticínios – Tente minimizar os produtos lácteos, pois são pesados e promovem o muco. Congestiona o corpo, que é o que estamos tentando evitar. Os leites de amêndoa e arroz são melhores para beber.

Castanhas e Sementes – Castanhas e sementes são pesadas, densas e oleosas, o que não é bom ao tentar perder a gordura de seu corpo. Se você comer castanhas, coma as mais leves e apenas de forma ocasional.

Carnes & Ovos – Concentre-se em carnes mais leves, como frango e peixe de água doce. Evite carnes pesadas, densas e gordurosas como carne de porco e carne bovina. Muita carne irá adicionar mais tensão e carga de trabalho digestivo em seu corpo e pode fazer mais mal do que bem.

Óleos – Os óleos devem ser limitados. As toxinas se concentram na gordura (já falamos sobre isso), e devemos evitar adicionar muito mais óleos gordurosos no nosso sistema. Se você usar óleos, o melhor a usar é o óleo de milho ou óleo de girassol.

Adoçantes – Limite os adoçantes, em geral. Mas pequenas quantidades de mel, que é mais leve e mais seco do que outros adoçantes, é recomendável. Mas use sem cozinhar, já que aquecer pode danificar o mel. Realmente limite os adoçantes artificiais.

Especiarias – Especiarias que ajudam na digestão são recomendadas. Use especiarias livremente para aumentar seu metabolismo e ajudar seu corpo a melhorar a circulação e a eliminação.


Exercícios!!!

O exercício é recomendado para reduzir a celulite. Mas algumas pessoas dão importância demais ao exercício, como se fosse a única cura para a celulite e tendem a exagerar em suas recomendações. Você não precisa se tornar um atleta para se livrar da celulite... A atividade simples e moderada vai ajudar muito.

O exercício ajudará seu corpo a melhorar sua capacidade de circular o sangue de forma eficiente, assim como queimar gordura, toxinas e ácidos graxos. Tudo isso realmente ajuda a melhorar a eliminação de tecidos e toxinas desnecessários.

O exercício aeróbico diário e / ou yoga feita diariamente, em apenas 20 minutos, deve ser suficiente. Tente fazer atividades que são acessíveis e divertidas para você. Não há necessidade de exagerar! Mas... que tiver uma disposição extra... aproveite! Exercícios sempre são bem-vindos.

Também é recomendado que você faça exercícios que trabalhem especificamente as áreas propensas a celulite do seu corpo, pois estes são frequentemente os lugares que não são exercitados e, portanto, tendem a reunir toxinas.

Resumindo esse artigo em uma só frase... Se você aliar, o uso dos óleos essenciais a drenagens linfáticas, ter uma boa alimentação e fazer exercícios moderados mas frequente, você tem a chance de evitar ou eliminar as temidas celulites.

Você gostou? Quer aprender mais sobre o uso dos óleos essenciais para melhorar a sua saúde?

Você sabia que os óleos essenciais também podem ser usados para ajudar nos casos de dores, inflamações, infecções na pele, problemas respiratórios ou disfunções metabólicas como a diabetes?

E ainda podem agir na redução de celulites, estrias, rugas e rejuvenescimento facial?

Se você quer aprender a fazer mais receitas com esses produtos 100% naturais para te ajudar com dores no corpo, dores de cabeça, estres, ansiedade, insônia, TPM, pressão alta, problemas intestinais entre outros, clique no botão abaixo para assistir um vídeo e aprender mais.

Sobre a autora:


Cris Marcondes é farmacêutica e atua há 11 anos chefiando equipes de desenvolvimento de medicamentos em multinacionais da área farmacêutica. 
Há 5 anos começou a estudar e a desenvolver diversas fórmulas com óleos essenciais para uso pessoal – óleos relaxantes, cremes e sabonetes terapêuticos, aromatizantes para o sono e diversos produtos para seu marido e filho.Hoje divide seu tempo escrevendo sobre suas experiências e ensinando outras pessoas a melhorarem suas vidas com óleos essenciais.


As informações fornecidas neste artigo foram retiradas da experiência da autora e embasados por estudos científicos referendados. São de caráter informativo e não se destinam a substituir tratamento de seu médico ou de outro profissional de saúde.