Manjericão

Por Cris Marcondes


Neste artigo, você vai aprender sobre:

1. Manjericão como uma Erva Culinária & Óleo Essencial Protetor

2. Top 5 Benefícios do Óleo Essencial de Manjericão

3. Um Cuidado com o Estragol

4. Os Melhores Usos & Misturas do Manjericão

Os efeitos protetores que o manjericão tem para os tomates no jardim são refletidos nos benefícios de proteção antimicrobianos, anti-inflamatórios, até mesmo repelentes de insetos, do óleo essencial de manjericão.

Manjericão uma Erva Culinária & Óleo Essencial Protetor


Em um jardim de ervas culinárias, o manjericão é um produto básico por suas deliciosas folhas frescas e secas. Na sua pizzaria local, o manjericão é uma obrigação para aquele sabor distinto de ervas. Mas o que faz o manjericão quando você o adiciona a sua receita favorita?




Pode haver muito mais em seu prato do que você percebe.

Seja como um corte fresco ou uma erva seca e em pó, o manjericão doce é um forte agente gastroprotetor. Um estudo de 1999 indicou que o óleo fixo (óleo não essencial) no manjericão tem a capacidade de proteger o estômago das úlceras e dos danos causados por qualquer reação ao álcool ou à aspirina.

O conteúdo do óleo essencial é, com certeza, parte da erva inteira, e parece que os efeitos protetores que o manjericão exibe em geral são concentrados com a destilação do óleo essencial. Observe que o manjericão sagrado é totalmente diferente do manjericão doce culinário, que será o tema da discussão neste artigo.

Algumas precauções de segurança devem ser observadas para o uso interno do óleo, mas o uso seguro deve se traduzir em uso efetivo - e o manjericão tem muitos efeitos para se aproveitar.

Top 5 Benefícios do Óleo Essencial de Manjericão

Aqui estão os principais usos do óleo essencial de manjericão que demonstram sua capacidade de proteção.

1. Potente Antibacteriano

O problema das bactérias resistentes aos antibióticos é sempre crescente, com o potencial de se tornar uma grande ameaça para a saúde pública. A busca de soluções efetivas está em curso há algum tempo, esperando que possamos manter a capacidade de combater as bactérias antes que as "superbactérias" se tornem uma pandemia.

Embora muitos de nós acreditemos que uma mudança de paradigma longe da teoria germinativa precisa ocorrer, também existem produtos naturais que podemos usar para combater bactérias nocivas sem ser tão severos quanto ao rápido desenvolvimento de resistência dos antibióticos prescritos. Da conclusão de um estudo realizado em 2003:

As bactérias escolhidas são disseminadas e apresentam sérias dificuldades terapêuticas por causa de seu alto nível de resistência. Por este motivo, os resultados obtidos foram considerados encorajadores.

O uso de óleos essenciais antibacterianos como o manjericão pode estender-se de cura tópica para produtos de limpeza preventivos e uso interno.

Indicações: Bálsamos curativos, desinfetantes para as mãos, limpeza, ingestão diluída e cuidadosa.

2. Antifúngico Sinergético

A maneira como os compostos dentro de um determinado óleo essencial se combinam para criar estruturas eficazes é puro, mas quando dois óleos essenciais se combinam para ser mais fortes do que antes, é incrível.

A sinergia entre manjericão e a menta foi utilizada para criar um composto antifúngico eficaz onde havia uma vez dois compostos medianos. A aromaterapia é muitas vezes realizada com misturas de óleos, e estudos como estes nos lembram porque isso é importante. À medida que você aprende sobre um óleo essencial como o manjericão, anote sobre suas propriedades para que você possa consultá-las rapidamente e ver onde as combinações podem ser feitas.

Observe os usos e ações de seus aromas favoritos também; você nunca sabe quando eles podem se combinar em algo maior e melhor!

Indicações: Misturas para cura tópica; combinando óleos para preparação culinária.

3. Guardião da Saúde Oral

Como um óleo antibacteriano eficaz, o manjericão foi parar em um ensaio clínico de 2014 de uma mistura de óleo essencial para enxaguantes bucais para a saúde oral. Após três semanas de acompanhamento com cerca de quarenta participantes, os resultados vieram com sorrisos brilhantes.

O manjericão, combinado com outras forças para a saúde bucal no óleo da árvore do chá e cravo, em um enxaguante bucal, foi capaz de inibir a placa, a gengivite e outros micróbios perigosos na boca.

Indicações: Misturas para enxagues bucais regulares; inclusão dentro de fórmulas (Faça Você Mesmo) de pasta de dentes.

4. Suporte Digestivo Protetor

Assim como o óleo fixo tem efeitos gastroprotetores, o óleo essencial do manjericão também possui alguns. Na verdade, quando testados sob acompanhamento de médicos e pesquisadores, doses significativas foram capazes de proteger contra danos causados por colite e úlcera.

Embora não possamos necessariamente replicar o estudo em casa, podemos usar precauções de segurança para começar a incluir óleo essencial de manjericão em nossas receitas e formulações. Os óleos essenciais exercem grandes efeitos em pequenas doses. Incluí-lo periodicamente pode introduzir as habilidades de cura e proteção sem se preocupar tanto com o estragol.

Indicações: Inclusão culinária periódica; formulação específica por um aromaterapeuta treinado em uso interno.




5. Um Repelente de Insetos que Funciona

O óleo essencial de manjericão leva a proteção ao próximo nível, mantendo-nos a salvo dos mosquitos. Uma frustração comum de verão é a disseminação de mosquitos e picadas de insetos; em muitas partes do mundo, essas preocupações irritantes podem ser potencialmente fatais.

Os compostos do óleo essencial de manjericão incluem muitos fitoquímicos conhecidos por manter os insetos afastados e combinam bem com outros óleos para criar um spray eficaz.

Indicações: difusão ao ar livre; spray para insetos tópico ou creme

Um Cuidado com o Estragol

Houve algumas preocupações documentadas com a toxicidade de um dos compostos principais do manjericão, o metil-chavicol (também conhecido como estragol). Uma declaração pública sobre a utilização de produtos medicinais à base de ervas contendo estragol pela Agência Europeia de Medicamentos afirma que os riscos estão em populações vulneráveis (crianças, mulheres grávidas ou amamentando, e pessoas com distúrbios convulsivos) e em altos volumes da substância.

Portanto, seria aconselhável restringir o uso interno a um mínimo e, de preferência, com óleos que foram avaliados e com percentuais mais baixos de estragol / metil-chavicol.

Os Melhores Usos & Misturas do Manjericão

Aproveite as habilidades de proteção do manjericão misturando-o com outros óleos antimicrobianos e anti-inflamatórios. Como um óleo herbáceo, de aroma ligeiramente picante, combina bem com óleos leves e com aroma fresco.

  • Camomila, lavanda, e manjericão para cura

  • Citrinos, manjericão, e árvore do chá para limpeza

  • Manjericão, eucalipto, e cardamomo como um spray para insetos

  • Diluições de óleo base, incluídos em receitas culinárias

  • Cravoóleo da árvore do chá, e manjericão como um enxaguante bucal, com menta para medidas de precaução

A flexibilidade do manjericão na mistura de aromas, efeitos protetores em quase todos os sentidos, e as medidas gerais de aplicação segura e simples o tornam um óleo essencial subestimado.


Você gostou? Quer aprender mais sobre o uso dos óleos essenciais para melhorar a sua saúde?

Você sabia que os óleos essenciais também podem ser usados para ajudar nos casos de dores, inflamações, infecções na pele, problemas respiratórios ou disfunções metabólicas como a diabetes?

E ainda podem agir na redução de celulites, estrias, rugas e rejuvenescimento facial?

Se você quer aprender a fazer mais receitas com esses produtos 100% naturais para te ajudar com dores no corpo, dores de cabeça, estres, ansiedade, insônia, TPM, pressão alta, problemas intestinais entre outros, clique no botão abaixo para assistir um vídeo e aprender mais.


Sobre a autora:


Cris Marcondes é farmacêutica e atua há 11 anos chefiando equipes de desenvolvimento de medicamentos em multinacionais da área farmacêutica. 
Há 5 anos começou a estudar e a desenvolver diversas fórmulas com óleos essenciais para uso pessoal – óleos relaxantes, cremes e sabonetes terapêuticos, aromatizantes para o sono e diversos produtos para seu marido e filho.Hoje divide seu tempo escrevendo sobre suas experiências e ensinando outras pessoas a melhorarem suas vidas com óleos essenciais.


As informações fornecidas neste artigo foram retiradas da experiência da autora e embasados por estudos científicos referendados. São de caráter informativo e não se destinam a substituir tratamento de seu médico ou de outro profissional de saúde.


Fontes:

  1. http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/10641155

  2. http://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0167701203000125

  3. http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/12744290

  4. http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/25024544

  5. http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/26620574

  6. http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/23195886

  7. http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/23847081

  8. http://www.ema.europa.eu/docs/en_GB/document_library/Public_statement/2014/12/WC500179557.pdf